Dólar hoje 4,142
35ºC em Arapiraca, Parcialmente nublado
Alagoas
Postada em 25/06/2019 22:54 | Atualizada em 25/06/2019 23:23 | Por Todo Segundo
Em vídeo, prefeito Júlio Cezar sai em defesa dos jornalistas
"Reduzir salários é retrocesso e perda das conquistas. Estou prefeito, mas sou jornalista por formação", diz prefeito de Palmeira dos Índios
“Reduzir salários é retrocesso e perda das conquistas”, diz prefeito Júlio Cezar - Foto: Arquivo / Todo Segundo

O prefeito de Palmeira dos Índios, Júlio Cezar saiu em defesa dos jornalistas que entraram em greve por tempo indeterminado nesta terça-feira (25), contra a redução do piso salarial em 40% proposto pelas empresas de televisão do Estado de Alagoas.

Em um vídeo compartilhado nas redes sociais, Júlio que também é jornalista, disse que reduzir salários é retrocesso e perda das conquistas da categoria. Solidário, ele fez questão de deixar de público o apoio aos companheiros de profissão.

“Reduzir salários é retrocesso e perda dos diretos das conquistas que vocês tem empreendido ao longo da carreira. Eu estou prefeito de Palmeira dos Íbndios, mas sou jornalista por formação e por convicção. Quero tornar público o apoio do jornalista Júlio Cezar, a esta luta de vocês. Esta luta também é compartilhada por todos aqueles que sabem a importância da profissão do jornalista para a sociedade”, destacou.

A categoria decidiu paralisar as atividades após a proposta (indecente) dos proprietários da Organização Arnon de Mello (OAM); do Pajuçara Sistema de Comunicação (PSCOM) e do Sistema Opinião pedirem a redução de 40% no piso salarial da categoria.

O piso do jornalista em Alagoas atualmente é de R$ 3.565,27 e de acordo com a proposta apresentada pelas empresas de comunicação, seria reduzido para cerca de R$ 2.100.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.