Dólar hoje 4,163
20ºC em Arapiraca, Parcialmente nublado
Alagoas
Postada em 22/09/2019 19:18 | Por Todo Segundo com Ascom
Júlio Cezar inaugura pavimentação de ruas em Palmeira de Fora
A obra, orçada no valor de R$ 280 mil, foi executada com recursos próprios da prefeitura
Obra recebe o nome do fiscal de rendas, Largo Marcolino Gonçalves Brandão - Foto: Assessoria

O prefeito Júlio Cezar, acompanhado do vice-prefeito e secretário de Saúde Márcio Henrique, vereadores e secretários municipais, inaugurou neste domingo (22), a pavimentação da Alameda Simone, o Beco da Lalu, e das ruas Manoel Pereira da Silva e Antônio Pau Ferro, em Palmeira de Fora. A obra, orçada no valor de R$ 280 mil e executada com recursos próprios da prefeitura, recebe o nome de Largo Marcolino Gonçalves Brandão, em homenagem ao fiscal de rendas pelos relevantes serviços prestados à população palmeirense.

A costureira Eva Santos, que há décadas esperava a pavimentação das ruas, falou que este foi um dos momentos mais felizes para todos os moradores da comunidade. “Estou feliz por esse sonho realizado. Muitos passaram por aqui dizendo que calçariam as nossas ruas mas nunca fizeram nada. Em nome de todos de Palmeira de Fora agradecemos, primeiramente a Deus, ao Júlio, o nosso Julinho, e todos os que pegaram pesado na obra, bateram a pedra e transformaram as nossas ruas, que eram cheias de lama e poeira, em um lugar agradável para viver”, disse a senhora Eva.

Marcos Alcântara, neto do homenageado da obra, representou a família e agradeceu ao prefeito a homenagem feita ao avô. “Estamos muito felizes com a homenagem ao nosso avô, que foi um fiscal de rendas destemido e que não tinha medo, naquela época, de exercer sua profissão. Agradecemos ao prefeito Júlio Cezar pela homenagem, pois o senhor Marcolino foi um homem que amou muito este lugar”, afirmou Marcos Alcântara.

O prefeito Júlio Cezar ressaltou que a obra é uma justa homenagem a um homem de bem, que dedicou a vida ao serviço público, à família amigos e moradores da região. “Palmeira de Fora é feita de muita gente que deu frutos à nossa cidade. Doutor Marcolino era um homem de bem. Toda carga que ele pegava, naquela época, charque, queijo de manteiga e outros produtos, ele distribuía a quem mais precisava. Hoje, isso não pode mais ser feito, pois a carga é incinerada. O reconhecimento é uma forma de gratidão e isso nós sabemos fazer. Esta comunidade precisa de políticas públicas e fazemos isso ao pavimentar as ruas, dar qualidade de vida tirando as pessoas da lama e da poeira, mas ainda é preciso fazer muito mais. Agradecemos aos familiares e a toda a comunidade por participarem deste momento tão feliz para nós e toda a comunidade que agora sai da lama e da poeira”, finalizou o prefeito Júlio Cezar.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.