Dólar hoje 4,141
23ºC em Arapiraca, Tempo limpo
Edson Alves

Sobre o autor

Edson Alves é jornalista e radialista formado em Comunicação Social (RTV) pela Fundação Cásper Libero e formado em Letras (Inglês/Português) pela Faculdade Sete de Setembro em Paulo Afonso/BA. É correspondente em diversas emissoras da região de AL, BA, SE
Postada em 27/05/2019 17:48 | Atualizada em 27/05/2019 19:08
Piloto que morreu em acidente que estava o cantor Gabriel Diniz era de Água Branca
Linaldo Xavier era um dos pilotos que caiu com o cantor Gabriel Diniz no interior de Sergipe
Foto: Linaldo Xavier no vídeo postado pelo cantor Gabriel Diniz antes do vôo para Maceió - Instagram

Uma das vítimas do acidente em que estava o cantor Gabriel Diniz, o piloto e um dos diretores do Aeroclube de Alagoas, Linaldo Xavier Rodrigues de 37 anos era natural de Água Branca, no Sertão de Alagoas.

Linaldo era do Povoado Tingui, na zona rural e estava na turma de 2006 da extinta Escola Cenecista Barão de Água Branca. Foi morar em Maceió, sendo um dos aprovados no concurso da Polícia Militar, depois cursou engenharia elétrica e só aí logo depois entrou no ramo da aviação. Tinha 3 anos de experiência como piloto e era um dos diretores do Aeroclube de Alagoas com sede em Maceió.

Ele e o outro piloto Gabriel Abraão Farias estavam dando uma carona para o cantor até Maceió, onde comemoraria o aniversário da namorada, a psicóloga Caroline Calheiros.

Na noite deste domingo (26), Gabriel diniz havia feito um show em Feira de Santana (BA) e de lá foi para Salvador.

O avião em que eles estavam era um avião monomotor/modelo PA-28-180, prefixo PTKLO, fabricado em 1974 e pertencente ao Aeroclube de Alagoas, e que caiu no povoado Porto do Mato, em Estância, no sul de Sergipe no início da tarde desta segunda-feira (27).

Segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o monomotor era registrado somente para realizar voos de instrução, e não poderia ser utilizado para táxi aéreo ou frete, mas o aeroclube informou que o avião poderia ser usado pelos diretores para uso pessoal.

As causas do acidente já estão sendo investigadas pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Ceripa), da Aeronáutica.  

O site Todo Segundo não se responsabiliza pelos conteúdos publicados nos blogs dos seus colaboradores.
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.