Dólar hoje 3,753
31ºC em Arapiraca, Parcialmente nublado
Edson Alves

Sobre o autor

Edson Alves é jornalista e radialista formado em Comunicação Social (RTV) pela Fundação Cásper Libero e formado em Letras (Inglês/Português) pela Faculdade Sete de Setembro em Paulo Afonso/BA. É correspondente em diversas emissoras da região de AL, BA, SE
Postada em 07/01/2019 01:12 | Atualizada em 07/01/2019 02:14
Caso da família que suspendeu velório de jovem em Delmiro Gouveia repercute no país
Jéssica Lima passou mal horas depois de ter se casado
Foto: Redes Sociais

O polêmico caso envolvendo a jovem Jéssica Lima, 23, que morreu na última quinta-feira (3), repercutiu no estado de Alagoas e no país.

Durante o velório, sua família decidiu suspender o ato por achar que ela poderia ressuscitar.

Algumas horas depois de ter se casado, a jovem passou mal e foi levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), ainda em Delmiro Gouveia, onde após sofrer duas paradas cardíacas foi levada as pressas para o Hospital Regional Santa Rita em Palmeira dos Índios vindo a falecer.

Parentes de Jessica relataram para a nossa reportagem ter visto o corpo dela se remexer e ao furarem um dos dedos viram que o sangue coagulava normalmente. Sendo assim, a família retirou o corpo do caixão e o colocaram numa cama.

Uma das tias da jovem morta, que é evangélica, fazia orações e afirmou que a jovem ressuscitaria.

O site UOL, Gospel Prime e outras mídias noticiaram o episódio e relataram que a família decidiu enterrar Jessica neste sábado (5), após a presença da Polícia Civil e de um médico na residência.

O site Todo Segundo não se responsabiliza pelos conteúdos publicados nos blogs dos seus colaboradores.
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
CAPTCHA
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.