Dólar hoje 5,599
22ºC em Arapiraca, AL Parcialmente nublado
Polícia
Postada em 20/01/2021 13:12 | Atualizada em 20/01/2021 13:59 | Por Todo Segundo
Mulher aborta e feto é guardado pela sogra dentro de geladeira em Palmeira
“Tuta”, alega não saber que estava grávida e o caso é investigado pela Polícia Civil
Chefe de operações Paulo Monteiro durante entrevista ao repórter Everton Luís - Foto: Todo Segundo

Não é comum, mas aconteceu. Alegando não saber que estava grávida, uma mulher teve um aborto na residência onde morava, localizada no Conjunto Edval Gaia, em Palmeira dos Índios, Agreste de Alagoas. “Tuta” como é conhecida foi socorrida e levada para a Maternidade Santa Olímpio.

De toda forma, o fato que mais chama a atenção, é que o feto foi guardado pela sogra em uma geladeira. O caso foi registrado na última segunda-feira (18), mas ganhou repercussão nesta quarta-feira (20), após questionamentos feitos pela reportagem da Rádio Viva FM 92,5.

Em entrevista ao repórter Everton Luís, “Dona Tereza” (Sogra de Tuta) disse que pensou enterrar o feto que segundo ela é sexo masculino em uma encruzilhada, mas resolveu colocar em uma caixa e guardar em sua geladeira para depois mostrar o médico. 

Procurado pela reportagem, o chefe de operações da Delegacia Regional de Palmeira dos Índios, Paulo Monteiro falou sobre o fato, que envolve uma série de ações inimagináveis. Segundo ele, a Polícia Civil vai instaurar um inquérito policial para apurar se o aborto foi provocado ou se foi espontâneo. Ouça a entrevista completa acima.

O feto foi recolhido na casa da sogra de “Tuta”, na Rua São José, bairro Eucalipto, na terça-feira, por uma equipe do Instituto Médico Legal (IML) e lavado para a sede do órgão em Arapiraca.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.