Dólar hoje 5,173
18ºC em Arapiraca, AL Parcialmente nublado
André Avlis

Sobre o autor

Radialista, natural de Maceió, cresceu em Arapiraca e trabalhou nas rádios, Cidade, A Voz do povo é a voz de Deus, Metropolitana FM, Novo Nordeste, Nova FM e atualmente trabalha na Pajuçara FM.
Postada em 21/05/2021 08:24 | Atualizada em 21/05/2021 08:29
SELETIVA DA COPA DO BRASIL: Pelo atual momento, CSE tem ligeiro favoritismo contra o ASA
As duas equipes disputam vaga para a Copa do Brasil 2022. Primeiro jogo acontece no próximo domingo (23), às 16h, no Estádio Juca Sampaio, em Palmeira dos Índios. A segunda partida será na próxima quarta-feira (26), em Arapiraca.
Troféu da Copa do Brasil.

Clássico. Rivalidade; e um único objetivo: a tão sonhada vaga na Copa do Brasil.

ASA e CSE duelam para conquistar algo muito grande pela atual conjuntura de ambos os clubes. Uma classificação para a competição nacional garante pelo menos R$ 560 mil (premiação do torneio em 2020). Grana que com certeza vai auxiliar em planejamentos futuros - além da possibilidade de sanar dívidas.

São dois jogos e um campeonato à parte. Tudo o que foi feito até aqui, sobretudo no Campeonato Alagoano, tem que ser necessariamente "apagado". Entre realizações e conquistas; frustrações e derrotas. No entanto, ainda vale o momento. A atualidade. O presente. E nesses aspectos, o CSE está um passo à frente.

Se fossemos analisar pela história e histórico do confronto, o ASA seria amplo favorito. No entanto, como diz o poeta: "o passado não entra em campo".

Os momentos das equipes são distintos. O ASA vinha numa evolução notória e mesmo tendo a frustração da eliminação no estadual, vinha dando indícios que poderia progredir ainda mais nos aspectos tático e técnico. Porém, perdeu a oportunidade de uma boa sequência e continuidade ao ser desclassificado do Campeonato Alagoano.

Um dos fatores que pode atrapalhar o time alvinegro é o ritmo de jogo. Ou a falta dele. Aspecto que faz o nível de atuação cair - algo natural no futebol.

Já o CSE, vive o oposto. Está invicto em casa e vem de uma sequência de jogos - com níveis altos de atuação -, onde consequentemente adquiriu um alto grau de ritmo de jogo. Tendo uma evolução ainda maior.

Sobre características, vejo o ASA muito forte na parte tática. É um time organizado em seu sistema de jogo, fator que ajuda na solidez defensiva, por exemplo. Existem pequenas problemas - que vinham melhorando com a sequência - especialmente na parte ofensiva, sobretudo na criação de jogadas. Entre eles a movimentação e mobilidade do ataque.

O CSE, está à frente em alguns quesitos. Principalmente em questão de entrosamento, sistema e padrão de jogo. É um time que tem um coletivo forte, aliado a individualidade de alguns jogadores. É agressivo e intenso. Mas há também falhas. Em particular na defesa; que quando pressionada ou bem controlada, costuma falhar.

São momentos distintos, circunstâncias diferentes e por isso, por tudo que vimos até aqui, vejo o CSE com um leve favoritismo. O que não é garantia de vitória ou conquista da vaga. Mas há uma visível e notória vantagem - mesmo que pequena.

O site Todo Segundo não se responsabiliza pelos conteúdos publicados nos blogs dos seus colaboradores.
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.