Dólar hoje 4,197
29ºC em Arapiraca, Tempo nublado
Polícia
Postada em 15/05/2019 07:19 | Atualizada em 15/05/2019 11:27 | Por Todo Segundo
Morre um dos dois homens baleados em Palmeira dos Índios
Josivaldo Soares da Silva, 21 anos, havia dado entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos
Josivaldo Soares da Silva, 21 anos, conhecido como “Báia” não resistiu aos ferimentos - Foto: Internauta / Cortesia

Um dos dois homens que foram baleados na noite desta terça-feira (14), em Palmeira dos Índios, não resistiu aos ferimentos e morreu. Josivaldo Soares da Silva, 21 anos, conhecido como “Báia” havia dado entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

João Victor Bezerra da Silva, após dá entrada na unidade de saúde, foi transferido para o Hospital de Emergência do Agreste, em Arapiraca. Segundo a assessoria de comunicação do hospital, ele foi atingido com um tiro na cabeça, foi submetido a uma cirurgia está na Área Laranja da unidade.

Entenda o caso

Josivaldo Soares da Silva, 21 anos, conhecido como “Báia” e João Victor Bezerra da Silva, trafegavam em uma motocicleta modelo Sundown/Max 125 de placa QLL-2832, quando foram alvejados pelos disparos. O crime foi registrado na noite desta terça-feira (14), na Rua Sebastião Ramos de Oliveira – no bairro, São Cristóvão, em Palmeira dos Índios.

Informações dão conta que, João Victor seria motoxista clandestino, enquanto que “Báia” seria o passageiro, ambos residentes no Conjunto Brivaldo Medeiros. Eles teriam sido surpreendidos por um homem desconhecido que após efetuar disparos fugiu a pé.

O caso deve ser investigado pela Polícia Civil.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.