Dólar hoje 5,243
21ºC em Arapiraca, AL Chuvas esparsas
Polícia
Postada em 09/05/2022 16:10 | Atualizada em 10/05/2022 06:35 | Por Todo Segundo
Palmeira: suspeito de matar Manoel Marques foi vereador em São Paulo
Márcio José Souza da Silva foi preso na última sexta-feira (06), cidade de Peruíbe/SP. Ele fez parte do legislativo do município em 2018
Márcio José Souza da Silva, foi vereador na cidade de Peruíbe - Foto: Divulgação / TSE

Márcio José Souza da Silva, 44 anos, um dos suspeitos de envolvimento no assassinato do ex-vereador por Palmeira dos Índios, Manoel Marques Luz, em 2010, foi vereador na cidade Peruíbe, localizada na Região Metropolitana da Baixada Santista, interior de São Paulo. Ele foi preso na sexta-feira (06), durante uma operação da Polícia Militar no município.

De acordo com informações apuradas pelo Portal Todo Segundo, Márcio José Souza da Silva, foi candidato pelo PDT pelo município de Peruíbe, em 2016, mas ficou como suplente. Assumiu o cargo em 2018. Cosnta no DivulgaCand da Justiça Eleitoral, que MARCIO LAGOA (nome para urna) concorreu pelo REPUBLICANOS a uma cadeira na Câmara novamente em 2020, obteve 170 votos, mas foi novamente suplente.

Segundo a Polícia Civil de São Paulo, Márcio José Souza da Silva, era considerado foragido da Justiça de Alagoas. O mandado de prisão preventiva foi emitido em 7 de novembro de 2017 pela 4ª Vara de Palmeiras dos Índios.

A PC de São de São Paulo também informou ao Todo Segundo, que Márcio José Souza da Silva, ainda está preso em Peruíbe, mas será levado para a Delegacia de Praia Grande. “A delegacia daqui é pequena, por isso ele será levado para Praia Grande, onde será feito os procedimentos legais e depois deve ser transferido para Alagoas, estado onde o crime ocorreu”, contou um agente.

A prisão

Márcio José Souza da Silva, de 44 anos, foi detido durante uma operação da Polícia Militar (PM) na tarde da última sexta-feira (06), na cidade de Peruíbe, município localizado na Região Metropolitana da Baixada Santista, interior de São Paulo. (Ler Matéria)

Uma equipe da corporação realizava um patrulhamento pela Rua Oito, no Jardim Márcia, em Peruíbe, na cidade de Peruíbe, quando os agentes suspeitaram de dois homens que passaram correndo em direção a um prédio na rua.

Os policiais seguiram os suspeitos, porém, durante as buscas, encontraram o ex-vereador. O homem, ainda de acordo com a PM, não estava relacionado à situação. Ele foi abordado, e as autoridades verificaram seus documentos por meio de busca no sistema policial. Pelo nome, o indivíduo foi apontado como "procurado pela Justiça de Alagoas".

O crime

Manoel Marques Luz, foi executado com cinco tiros, na cabeça, Rua Pedro Barbosa, antiga Rua das Flores, no bairro de São Cristóvão, em Palmeira dos Índios, no dia 1º de dezembro de 2010. Os criminosos esperaram a vítima sair de sua residência pela manhã que era rotina. O ex-vereador limpava o carro na porta da garagem, quando foi alvejado pelos disparos sem ter chances de defesa.

Luz era pessoa muito conhecida em Palmeira dos Índios, foi vereador pelo PTB na primeira gestão do então prefeito Albérico Cordeiro no período de 2001 a 2004. Meses depois rompeu com Albérico Cordeiro passando a fazer oposição.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.