Dólar hoje 4,005
23ºC em Arapiraca, Alguns chuviscos
Alagoas
Postada em 20/05/2019 22:29 | Atualizada em 20/05/2019 22:32 | Por Assessoria
Grupo Solar investe R$ 23 milhões na instalação de nova linha em AL
Segundo maior fabricante do Sistema Coca-Cola no Brasil, empresa vai produzir sucos e chás gelados em Maceió e gerar 80 empregos diretos
Anúncio foi feito nesta segunda (20) pelo presidente (CEO) da empresa, Mário Veronezi, em reunião com o governador Renan Filho - Foto: Assessoria

O Grupo Solar – segundo maior fabricante do Sistema Coca-Cola no Brasil – vai instalar em Alagoas uma nova linha de produção de sucos e chás gelados. O anúncio foi feito na tarde desta segunda-feira (20) pelo presidente (CEO) da empresa, Mário Veronezi, em reunião no Palácio República dos Palmares com o governador Renan Filho e os secretários de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito; e da Fazenda, George Santoro.

A nova linha de produção será a maior do Grupo Solar no Nordeste para o segmento e ficará instalada no Benedito Bentes, parte alta de Maceió. Segundo Veronezi, a unidade terá investimento inicial de R$ 23 milhões e vai gerar 80 empregos diretos, além dos 1.100 existentes na unidade que já opera na capital.

Segundo o presidente da Solar, a nova linha começa a operar em agosto e atuará na produção de Ice Tea (chá gelado) e dos sucos Kapo e Del Valle. “Essa será a nossa segunda linha de produção no Nordeste. A primeira fica no Recife (PE), que atendia 40% de nossa necessidade. A nova unidade vai atender os outros 60% que nós trazíamos de outros Estados, mas que agora serão abastecidos via Maceió”, revelou Veronezi.

A Solar atua em todo o Nordeste, Mato Grosso e em partes dos Estados do Tocantins e Goiás. O presidente afirmou que a solidez fiscal, a organização administrativa e a política de incentivos fiscais do Governo de Alagoas passam tranquilidade ao empresariado que deseja investir no Estado.

“Essa organização e essa continuidade de investimentos feita aqui nos levam a ter firmeza e a começar a enxergar, em longo prazo, uma boa certeza de crescimento sustentável”, declarou. A Solar conta com incentivos fiscais concedidos pelo Governo de Alagoas, por meio do Programa de Desenvolvimento Integrado (Prodesin).

“É uma alegria grande ouvir do CEO do Grupo Solar que vem para Alagoas montar uma fábrica nova de sucos exatamente porque aqui conta com um bom ambiente de negócios, com incentivo fiscal e com a solidez e a sustentabilidade necessárias. Vamos continuar assim: trabalhando para suplantar essas dificuldades que o Brasil vive com muita determinação e trabalho, atraindo novos investimentos, novos negócios”, declarou Renan Filho.

O secretário Rafael Brito afirmou que a instalação da nova linha da Solar é mais uma grande conquista para Alagoas. “Estamos fortalecendo a parceria com a empresa nacional Solar, que agora garante expansão das atividades no Estado. Será a maior unidade em operação do Nordeste a produzir sucos Kapo. Essa novidade é reflexo da nossa política arrojada de incentivos, que tem sido um diferencial decisivo nas estratégias de prospecção e crescimento de novos negócios para a região”, obervou o Brito.

Participaram, ainda, da reunião o diretor de Relações Externas do Grupo Solar, Fábio Acerbi; o diretor comercial em Alagoas, Luciano Gomes; o gerente de Relações Governamentais, Arthur Ferraz; o deputado estadual Silvio Camelo; o assessor especial da Sedetur, Rafael Cerqueira; e o superintendente da Indústria, Comércio e Serviços da Secretaria, André Gomes.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.