Dólar hoje 5,243
21ºC em Arapiraca, AL Tempo limpo
CSA
Postada em 05/11/2021 23:18 | Atualizada em 05/11/2021 23:21 | Por Todo Segundo
CSA vence o Remo por 2 a 0 no Rei Pelé e dorme no G4 da Série B
Com triunfo, equipe azulina vai aos 54 pontos e chega ao 4º lugar na tabela de classificação; Leão pode, ao fim da rodada, ficar no Z4
CSA venceu o Remo por 2 a 0 no Rei Pelé e dorme no G4 da Série B - Foto: Ailton Cruz / Gazeta de Alagoas

O CSA recebeu o Remo na tarde desta sexta-feira, 5, no Rei Pelé. Em jogo pela 34ª rodada do Brasileirão Série B, o Azulão não tomou conhecimento do adversário, venceu por 2 a 0 e dorme no G4, com 54 pontos.

Tentando cada vez mais se afastar da zona de rebaixamento, o Remo começou com muita pressão. Logo aos 4 o time já teve a sua primeira chegada de perigo. Assim, na jogada, Victor Andrade recebeu na cara do gol, mas chutou forte e mandou por cima do travessão.

Na sequência, a primeira chegada do CSA. Aos 8, Iury Castilho cruzou para a área, e Dellatorre, livre, apareceu, cabeceando forte. Thiago Coelho fez um verdadeiro milagre e evitou que o Remo abrisse o placar no Rei Pelé.

O jogo deu uma acalmada, e as equipes nem sequer chegaram perto de abrir o marcador. Contudo, aos 27, Marco Túlio mudou tudo. Iury Castilho levantou na segunda trave, e o atacante apareceu livre para cabecear no contrapé de Thiago Coelho, colocando o CSA na frente do placar.

O Remo não ficou para trás e seguiu pressionando. Contudo, deixou espaços para o CSA continuar a assustar Coelho. Assim, aos 36, Yuri fez uma boa jogada e tabelou com Marco Túlio. Dellatorre recebeu e chutou rasteiro. Thiago Coelho tirou com o pé.

A volta do intervalo foi sem grandes emoções, com as duas equipes criando poucas chegadas de perigo. A primeira foi do lado do CSA. Na jogada, Marco Túlio bateu, Iury Castilho cabeceou, e a bola desviou em Romércio.

Aos 12, o Remo quase conseguiu deixar a igualdade no placar do Rei Pelé. Lucas Siqueira soltou uma bomba de fora da área. Thiago Rodrigues espalmou, evitando o que seria o primeiro gol da equipe remista.

O CSA não tomou conhecimento das investidas dos adversários e ampliou o placar. Aos 28, Clayton fez um cruzamento na medida, e Dellatorre, que estava no meio da zaga, acertou uma cabeçada fatal, aumentando a vantagem do Azulão.

Os donos da casa seguiram com grande pressão. Aos 34, Reinaldo ficou com a sobra dentro da área do Leão, batendo colocado. Thiago Coelho espalmou pela linha de fundo, em mais uma grande defesa.

O Remo até tentou, mas nada conseguiu criar, muito menos diminuir a pressão dos adversários. Aos 36, a última chance em um ataque da equipe. Jefferson pegou um corte errado da defesa do CSA e encheu o pé na bola, mandou muito longe do gol do Azulão. Sem outras chances, a partida terminou no 2 a 0.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.