Dólar hoje 4,109
23ºC em Arapiraca, Parcialmente nublado
Justiça
Postada em 06/09/2019 13:19 | Por Assessoria - TJ/AL
Cejusc de Arapiraca começará resolvendo conflitos com o Município
Pessoas envolvidas em casos passíveis de conciliação com a Prefeitura serão contatadas pelo Centro de Solução de Conflitos inaugurado nesta sexta (6)
Presidente do TJAL, Tutmés Airan, discursa na inauguração do Cejusc de Arapiraca - Foto: Assessoria

O Judiciário de Alagoas inaugurou o primeiro Cejusc - Centro Judicial de Solução de Conflitos e Cidadania da Comarca de Arapiraca, nesta sexta-feira (6). Inicialmente, a unidade vai funcionar conciliando exclusivamente conflitos pré-processuais que envolvem a Fazenda Pública Municipal, a maioria referentes a dívidas de impostos municipais como o IPTU.

Instalado no Terminal Rodoviário, o equipamento vai dar um salto de qualidade na prestação de serviço jurisdicional na cidade, afirma o presidente do Tribunal de Justiça, Tutmés Airan.

“É da essência da mediação e da conciliação esse salto de qualidade. Você resolve o conflito em muito menos tempo do que o método tradicional proporciona. No caso específico aqui, como é um Cejusc com ênfase na questão fiscal, isso vai implicar, na prática, antecipação de receita para o Município e mais obras para a cidade”, destacou o desembargador.

Cidadãos envolvidos em casos passíveis de conciliação com a Prefeitura serão contatados pelo Cejusc. “O Município vai procurar o Cejusc e será tentado o acordo com as pessoas. Havendo o acordo, será homologado na 4ª Vara Cível - Fazenda Municipal. Posteriormente abriremos de um modo geral e também será processual”, explica o juiz Alberto Almeida, coordenador do Cejusc de Arapiraca.

Representando a Prefeitura, o procurador-geral do Município, Rafael Gomes, falou sobre a importância do equipamento para a administração. “Temos a esperança de que esse Centro venha trazer benefícios não só financeiros, nesse momento de crise por que todo o país passa, mas na resolução de outros conflitos: urbanos, ambientais, todo tipo”.

A unidade funcionará em parceria com o Centro Universitário Cesmac, que terá estudantes de Direito auxiliando nos trabalhos.

O Centro atenderá de segunda a quinta-feira das 13h às 18h, e nas sextas-feiras de 7h30 a 13h30. Arapiraca é a terceira cidade do interior a receber um Cejusc, depois de Palmeira dos Índios e São Miguel dos Campos, cujas unidades foram inauguradas em maio.

O local recebeu o nome do arapiraquense Cláudio de Albuquerque Lima, que foi deputado estadual.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.