Dólar hoje 5,324
18ºC em Arapiraca, AL Tempo limpo
Galeria da Fama
Postada em 11/06/2020 22:40 | Por Quem Acontece
Mãe da filha de Japinha diz que ele nunca foi um bom pai
Nicole Kajihara fala que quis expor sua história porque o músico citou a criança em uma entrevista "por conveniência"
Mãe da filha de Japinha diz que ele nunca foi um bom pai - Foto: Divulgação

Nicole Kajihara, que tem uma filha, Sophia, de 10 anos, com Ricardo Japinha, baterista do CPM 22, se pronunciou nas redes sociais após o músico ter uma conversa vazada nas redes sociais com uma menina que teria 16 anos de idade. A maquiadora disse que resolveu expor sua história após uma entrevista que Japinha deu para um site, em que teria citado que tem uma filha e que o fez, segundo ela, para tentar "limpar sua imagem".

"Continuaria sem me pronunciar, mas devido aos acontecimentos dos últimos dias envolvendo um comportamento que eu, mulher e mãe independente, repugno, e a entrevista que foi dada a UOL pelo Ricardo, quando resolveu magicamente tornar pública a paternidade, tenho lido muitas histórias desconexas e inverdades a meu respeito e a respeito da minha filha. Minha filha está crescida e já começa a ter contato com a mídia, notícias, fofocas, penso que pode até começar a ter contato com hatters, então, após muito refletir, resolvi me posicionar para esclarecer qualquer fato a nós relacionado", começou Nicole.

Ela contou que conheceu Japinha em 2007 no meio artístico, já que é maquiadora, e que os dois tiveram um relacionamento por três anos, nunca assumido publicamente por ele. "Vou apenas pontuar que lidei com muita pressão psicológica depois que engravidei", afirma.

Nicole falou que Japinha também nunca assumiu a filha publicamente e que a família dele demorou para tomar conhecimento de que o baterista era pai.

"E agora, numa tentativa clara de tentar 'limpar' sua imagem, abalada por uma situação que nada tem a ver comigo ou com minha filha, que dizem respeito apenas a ele, agora resolveu ser pai, publicamente, de uma menina. Mesmo sob o meu pedido de não envolvê-la nessa situação. Já que passou toda a vida escondendo, que não a expusesse agora. Não vou admitir que ninguém use a minha filha para se promover ou tentar purificar sua imagem em meio a esse turbilhão de informações pesadas. Pegar a cada 15 dias, ficar por algumas horinhas (tirar fotos pra ter como provar que é presente sim na vida da criança) e contribuir financeiramente não faz de ninguém um bom pai", desabafou.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.