Dólar hoje 5,432
21° C em Arapiraca, AL Tempo limpo
Luan Moraes

Sobre o autor

Possui graduação em História pela Universidade Estadual de Alagoas, especialização em Gestão e Coordenação Pedagógica pela Faculdade São Tomás de Aquino e mestrado em História Social pela Universidade Federal de Alagoas.
Postada em 28/05/2024 15:21 | Atualizada em 28/05/2024 19:32

Trecho Palmeira dos Índios / Arapiraca: AL-115, a rodovia da morte

Baixa sinalização da via vem causando muitos acidentes fatais
Rodovia AL-115 entre Arapiraca e Palmeira dos Índios sofre com a falta de sinalização - Foto: Todo Segundo

A situação da rodovia AL-115, que perpassa o Agreste Alagoano, interligando Arapiraca à Palmeira dos Índios, tem chamado atenção pela quantidade de acidentes fatais.

Este quadro se complicou ainda mais, com as obras de duplicação da rodovia, que promete agilizar e melhorar o trânsito, valorizando ainda mais a capital do agreste alagoano, a cidade de Arapiraca.

Mas, o que se vê (ou não se vê) é a quase ausência de sinalização da rodovia. O quadro é preocupante, pois quanto mais demoram as obras, mais a pista vem se tornando um matadouro público de gente.

Uma simples pesquisa no google, pode revelar milhares de matérias sobre acidentes fatais na rodovia. Praticamente toda semana tem ao menos um acidente no percurso mencionado.

A duplicação, que não aparenta nem estar perto de ser concluída, torna o percurso extremamente perigoso, pela ausência de sinalização e pelos desvios que podem gerar confusão nos motoristas.

E a situação é ainda pior de noite. A completa escuridão de alguns trechos, principalmente nas perigosas curvas, têm causado um aumento espantoso no número de acidentes fatais.

Me parece, que a perda de vidas de gente comum e trabalhadora não causa nenhum remorso nas autoridades constituidas. Afinal, o que o governo está esperando para sinalizar melhor essa via?

O site Todo Segundo não se responsabiliza pelos conteúdos publicados nos blogs dos seus colaboradores.
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.


Instagram