Dólar hoje 4,031
23ºC em Arapiraca, Alguns chuviscos
CSA
Postada em 29/07/2019 22:34 | Atualizada em 29/07/2019 22:37 | Por Todo Segundo com Gazeta Esportiva
CSA não sai do empate em 0 a 0 contra o Grêmio no Rei Pelé
Com o resultado, o CSA permanece na penúltima posição, com sete pontos. O Grêmio segue na 11ª colocação, com 16 pontos
CSA não saiu do 0 a 0 contra o Grêmio no Estádio Rei Pelé - Foto: Lucas Uebel/GREMIO FBPA

No encerramento da 12ª rodada do Campeonato Brasileiro, o CSA tentou, mas não passou de um 0 a 0 com o Grêmio nesta segunda-feira, no estádio Rei Pelé. 

Priorizando a Libertadores, o Tricolor Gaúcho usou reservas e fez uma atuação tecnicamente abaixo da crítica. Por sua vez, os alagoanos precisam melhorar muito para permanecer na elite do futebol brasileiro.

Com o resultado, o CSA permanece na penúltima posição, com sete pontos. O Grêmio segue na 11ª colocação, com 16 pontos.

Agora, o Tricolor Gaúcho vira a chave e foca na partida de volta das oitavas de final da Libertadores, na quinta, contra o Libertad, às 21h30 (de Brasília), no Defensores Del Chaco. Os gaúchos tem a vantagem de jogar pelo empate, derrota de um gol e até podem perder por dois tentos desde que marquem. Caso os paraguaios devolvam o placar, a decisão da vaga será nas penalidades.

Pelo Brasileiro, o Grêmio volta a campo no dia 05 agosto, segunda, quando recebe a Chapecoense, às 20h (de Brasília), na Arena. Já o CSA visita o Vasco no domingo, às 19h (de Brasília), no Kleber Andrade.

O Jogo – Os donos da casa tomaram a iniciativa, enquanto os gaúchos, usando um time de suplentes, se posicionaram na defesa. Mesmo com esforço, os alagoanos mostraram muitas limitações técnicas e dificuldade de penetração na defesa gremista.

Passado mais de 20 minutos, nenhuma das duas equipes criou uma oportunidade real de gol. Sem entrosamento, os reservas do Grêmio não conseguiram articular jogadas no ataque. Testado no Gre-Nal no meio-campo, o lateral-direito Rafael Galhardo se mostrou insuficiente para cumprir a função.

Mais uma vez o meia Luan esteve apagado em campo. Apesar de ter o gol no Gre-Nal, o seu desempenho não mudou. Aos 34, Jonatan Gómez fez jogada individual e acertou um belo chute que buscou o ângulo. Levou perigo à meta de Júlio César. Aos 36, Diego Tardelli acionou Rômulo, que bateu e Jordi defendeu com tranquilidade.

A etapa inicial tecnicamente deixou a desejar e não houve grande chance de gol para os dois times. Os lances mais perigosos foram chutes de fora da área.

Os mandantes levaram um susto no começo do segundo tempo. Aos dois, Nilton encheu o pé e assustou a meta do arqueiro gremista. Aos cinco, Luan recebeu no comando do ataque, se livrou da marcação e chutou passando muito perto do gol do CSA.

Várias faltas impediram o andamento da partida. Diego Tardelli e Pepê estavam desaparecidos em campo e sequer venceram a marcação dos mandantes. O Grêmio desperdiçou uma grande chance de abrir o placar. Aos 21, Darlan lançou para Pepê, que disparou e entrou na área, mas errou na finalização. Na cara do gol, ele tentou a cavadinha.

Para ganhar mais força ofensiva, o técnico Renato sacou Rafael Galhardo no meio-campo e fez entrar o atacante Everton. Aos 33, Pepê acionou Diego Tardelli, que chutou de forma venenosa e Jordi espalmou para escanteio. Aos 41, Everton recebeu de Darlan na área, passou pelo marcador e cruzou por baixo, mas ninguém apareceu para tocar para o fundo das redes. Um minuto depois, Gamarra tabelou com Ricardo Bueno e recebeu livre na área, porém bateu mal.

Apesar da disposição dos times em campo, não houve uma mudança de cenário e o resultado de empate acabou sendo justo. Com mais qualidade e usando reservas, o Grêmio não soube se impor diante do CSA.

FICHA TÉCNICA

CSA 0 X 0 GRÊMIO

Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)

Data: 29 de Julho de 2019, segunda-feira

Horário: 20 horas (de Brasília)

Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN/CBF)

Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (GO/Fifa) e Kléber Lúcio Gil (SC/Fifa)

VAR: Márcio Henrique de Gois (SP/CBF)

Cartões amarelos: Luciano Castán, Ricardo Bueno, Didira, Jordi (CSA),Paulo Miranda, Juninho Capixaba (Grêmio)

CSA: Jordi; Dawhan, Alan Costa, Luciano Castán e Carlinhos; Nilton (Naldo), João Vitor (Jean Cléber), Jonatan Gómez e Didira; Maranhão (Rodolfo Gamarra) e Ricardo Bueno. Técnico: Argel Fucks.

Grêmio: Julio César; Léo Moura, Geromel, Paulo Miranda e Juninho Capixaba; Rômulo, Darlan, Rafael Galhardo (Everton) e Luan (Da Silva), Pepê e Diego Tardelli (Patrick).
Técnico: Renato Gaúcho.

Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.