Dólar hoje 3,859
23ºC em Arapiraca, Alguns chuviscos
Valdenice Guimarães

Sobre o autor

Valdenice Barboza Guimarães; Historiadora Psicóloga Clínica Comportamental. Membro fundadora do Instituto de Análise do Comportamento – IAC. Pós-graduada em Teorias e Técnicas Comportamentais: Educação, Pesquisa e Terapia.
Postada em 18/01/2019 14:00
Janeiro Branco: prevenção da saúde mental

Na medicina atual, são várias as estratégias para a promoção, manutenção e restauração da saúde. Existe a medicina curativa, que é direcionada à cura de enfermidades e/ou tratamento de sintomas, evitando o agravamento e aparecimento de complicações no quadro geral do paciente. Já a medicina preventiva, é a especialidade dedicada à prevenção de doenças e lesões, buscando a adoção de hábitos saudáveis no dia-a-dia.

Com isso, a pessoa tem menos riscos de contrair problemas crônicos.

Compreendemos que a saúde preventiva pode ser entendida como um conjunto de medidas e ações voltadas para a prevenção de doenças. Nesse entendimento, compreendemos a doença como sendo qualquer tipo de agravo à saúde física e/ou psíquica.

O trabalho realizado pelo profissional da medicina preventiva, se reflete nas condições da saúde em geral dos indivíduos, diminuindo gastos com medicamentos, aumentando a produtividade, diminuindo a presença de doenças e aumentando de modo significativo a melhora no convívio familiar e a qualidade de vida do sujeito, incluindo também as condições ambientais, pois sabemos o quanto o ambiente impacta na vida dos indivíduos.

Nesse sentido, o saneamento básico é de extrema importância. O mesmo consiste na atividade de coleta e tratamento de esgoto, limpeza urbana, manejo de resíduos sólidos e controle de pragas, assim como qualquer tipo de agente patogênico, visando à saúde das comunidades.
A Campanha Janeiro Branco, dedica-se à conscientização e à prevenção em relação à Saúde Mental e objetiva: mobilizar as pessoas em favor da saúde psíquica; desmistificar alguns tabus em relação à intervenção psicológica, mostrando a importância da psicoterapia; e ressaltar que saúde mental é qualidade de vida melhor para as pessoas.

A partir dos anos 2000, a Organização Mundial de Saúde (OMS) vem, insistentemente, alertando a humanidade quanto ao crescimento vertiginoso das taxas de suicídio, depressão e ansiedade em todo o mundo.

Concordando com essa preocupação da OMS, a Campanha Janeiro Branco, com o slogan "quem cuida da mente, cuida da vida", criada em 2014, foi pensada por psicólogos e visa levantar o debate sobre a importância da prevenção e da saúde mental. A campanha tem como princípio básico que as ações, no contexto da Campanha sejam todas de forma gratuita, totalmente sem fins lucrativos. Além de colocar em evidência a importância da prevenção no que se refere ao adoecimento psicológico.

A cor branca, tem um simbolismo forte e por isso foi a escolhida. Uma vez que branca é a cor a partir da qual toda outra cor pode aparecer, se destacar, existir e acontecer como um projeto, assim como uma folha em branco, qualquer história pode ser escrita ou reescrita. A cor branca possibilita qualquer ideia, criação, ousadia e realização.

Da mesma forma foi sendo pensado que deveria ser um mês bem significativo. Sendo assim, a ideia era aproveitar a posição estratégica, assim como o momento de reflexão que o mês de Janeiro propicia, e chamar a atenção das pessoas para essas questões de ordem psicológica, incentivando-as a tomarem o início do ano como um ponto de partida, para pensarem sobre as suas condições psicológicas e investirem em mais Saúde Mental ao longo de todo o ano.

Portanto, a proposta da Campanha Janeiro Branco, que nasceu em Uberlândia (MG), é uma proposta transdisciplinar. A ideia é que diferentes profissionais e estudantes dos mais variados cursos se engajem nessa campanha, possibilitando que todas as pessoas do mundo comecem a refletir sobre as suas saúdes mentais e condições emocionais de vida.

A campanha tem caráter principalmente preventivo para mudanças de hábitos saudáveis.
Saúde mental: promovê-la é preciso.

O site Todo Segundo não se responsabiliza pelos conteúdos publicados nos blogs dos seus colaboradores.
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.