Dólar hoje 4,005
23ºC em Arapiraca, Alguns chuviscos
Valdenice Guimarães

Sobre o autor

Valdenice Barboza Guimarães; Historiadora Psicóloga Clínica Comportamental. Membro fundadora do Instituto de Análise do Comportamento – IAC. Pós-graduada em Teorias e Técnicas Comportamentais: Educação, Pesquisa e Terapia.
Postada em 26/11/2018 22:41
O Câncer da Próstata

O envelhecimento da população, é fenômeno mundial com consequências diretas sobre questões de saúde pública, principalmente aquelas relacionadas ao aumento da prevalência das demências e alguns processos cancerígenos.

A sociedade atual caracteriza-se pelo envelhecimento demográfico, em consequência do aumento de sobrevida das pessoas.

A saúde, atualmente, é trabalhada dentro do campo da prevenção. Desse modo, é perceptível a mudança no comportamento das pessoas, o que demonstra uma preocupação maior com a saúde e com um estilo de vida saudável.
Novembro Azul, promove a prevenção e a conscientização sobre os cuidados com a saúde do homem. Novembro foi escolhido como mês oficial de conscientização, pois 17 de novembro é o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata. O “Azul”, veio da cor oficial usada como símbolo de combate à doença.

Surgiu assim, o Novembro Azul, movimento que prioriza ações de conscientização sobre a neoplasia. Inicialmente, foi comemorado na Austrália em 2003 e essa iniciativa teve como objetivo a sensibilização dos homens para a importância de diagnosticar, precocemente o Câncer da próstata. Desta forma, no mês de novembro os homens são encorajados a tomarem medidas preventivas ou a fazerem o exame da próstata, que é composto pelo toque retal e exame de sangue PSA. O toque retal, é um exame rápido - dura segundos, é praticamente indolor e não afeta em nada a masculinidade do homem

A recomendação da Sociedade Brasileira de Urologia é que todos os homens que tenham mais de 45 anos façam um exame da próstata todos os anos.

Segundo os dados mais recentes do Instituto Nacional do Câncer - Inca, o câncer de próstata, tipo mais comum entre os homens, é a causa de morte de 28,6% da população masculina que desenvolve neoplasias malignas. No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos, devido ao câncer de próstata.

Próstata, é uma glândula do sistema reprodutor masculino, que pesa cerca de 20 gramas, e se assemelha a uma castanha. Ela localiza-se abaixo da bexiga e sua principal função, juntamente com as vesículas seminais, é produzir o esperma.

Na fase inicial, o câncer de próstata não apresenta sintomas.
Alguns sinais começam a aparecer em fase avançada, dificultando a cura. Na fase avançada, os sintomas são: dor óssea; dores ao urinar; vontade de urinar com frequência e presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Os fatores de risco são: histórico familiar de câncer de próstata: pai, irmão e tio; raça: homens negros sofrem maior incidência deste tipo de câncer; além da obesidade.

A única forma de garantir a cura do câncer de próstata, é o diagnóstico precoce.

Quando falamos em prevenção, destacamos a importância da mudança de hábitos na vida das pessoas, como a prática de atividades físicas e uma alimentação rica em vegetais e pobre em gorduras.

Com a detecção precoce do câncer da próstata, é constatado uma cura em torno de 90% a 95%.

É preciso acabar com o preconceito, que ainda existe em relação ao exame.

Hoje, a tecnologia está a favor das pessoas em diferentes áreas.

Na saúde, o desenvolvimento de aparelhos de ponta, responsáveis por prever um problema no organismo e ter a capacidade de antecipar o processo de tratamento, levam ao aumento da longevidade. A necessidade de prevenção, está aliada e sendo cada vez mais necessária a adoção de um estilo de vida mais saudável. Mudanças de hábitos alimentares e comportamentais, são imprescindíveis.

Portanto, prevenir é sempre melhor do que remediar.

O site Todo Segundo não se responsabiliza pelos conteúdos publicados nos blogs dos seus colaboradores.
Comentários

Utilize o formulário abaixo para comentar.

Ainda restam caracteres a serem digitados.
*Marque Não sou um robô para enviar.
Compartilhe nas redes sociais:

Utilize o formulário abaixo para enviar ao amigo.